[Seção Aula] Português e Redação » Coesão



Coesão é a conexão, ligação, harmonia entre os elementos de um texto. Percebemos tal definição quando lemos um texto e verificamos que as palavras, as frases e os parágrafos estão entrelaçados, um dando continuidade ao outro.

Os elementos de coesão determinam a transição de ideias entre as frases e os parágrafos.

Observe a coesão presente no texto a seguir:
“Os sem-terra fizeram um protesto em Brasília contra a política agrária do país, porque consideram injusta a atual distribuição de terras. Porém o ministro da Agricultura considerou a manifestação um ato de rebeldia, uma vez que o projeto de Reforma Agrária pretende assentar milhares de sem-terra.”
JORDÃO, R., BELLEZI C. Linguagens. São Paulo: Escala Educacional, 2007, p. 566 

As palavras destacadas têm o papel de ligar as partes do texto, podemos dizer que elas são responsáveis pela coesão do texto.

Há vários recursos que respondem pela coesão do texto, os principais são:

- Palavras de transição: são palavras responsáveis pela coesão do texto, estabelecem a inter-relação entre os enunciados (orações, frases, parágrafos), são preposições, conjunções, alguns advérbios e locuções adverbiais.

Veja algumas palavras e expressões de transição e seus respectivos sentidos:
  • inicialmente (começo, introdução)
  • primeiramente (começo, introdução)
  • primeiramente (começo, introdução)
  • antes de tudo (começo, introdução)
  • desde já (começo, introdução)
  • além disso (continuação)
  • do mesmo modo (continuação)
  • acresce que (continuação)
  • ainda por cima (continuação)
  • bem como (continuação)
  • outrossim (continuação)
  • enfim (conclusão)
  • dessa forma (conclusão)
  • em suma (conclusão)
  • nesse sentido (conclusão)
  • portanto (conclusão)
  • afinal (conclusão)
  • logo após (tempo)
  • ocasionalmente (tempo)
  • posteriormente (tempo)
  • atualmente (tempo)
  • enquanto isso (tempo)
  • imediatamente (tempo)
  • não raro (tempo)
  • concomitantemente (tempo)
  • igualmente (semelhança, conformidade)
  • segundo (semelhança, conformidade)
  • conforme (semelhança, conformidade)
  • assim também (semelhança, conformidade)
  • de acordo com (semelhança, conformidade)
  • daí (causa e consequência)
  • por isso (causa e consequência)
  • de fato (causa e consequência)
  • em virtude de (causa e consequência)
  • assim (causa e consequência)
  • naturalmente (causa e consequência)
  • então (exemplificação, esclarecimento)
  • por exemplo (exemplificação, esclarecimento)
  • isto é (exemplificação, esclarecimento)
  • a saber (exemplificação, esclarecimento)
  • em outras palavras (exemplificação, esclarecimento)
  • ou seja (exemplificação, esclarecimento)
  • quer dizer (exemplificação, esclarecimento)
  • rigorosamente falando (exemplificação, esclarecimento).
Ex.: A prática de atividade física é essencial ao nosso cotidiano. Assim sendo, quem a pratica possui uma melhor qualidade de vida.

- Coesão por referência: existem palavras que têm a função de fazer referência, são elas:
  • pronomes pessoais: eu, tu, ele, me, te, os...
  • pronomes possessivos: meu, teu, seu, nosso...
  • pronomes demonstrativos: este, esse, aquele...
  • pronomes indefinidos: algum, nenhum, todo...
  • pronomes relativos: que, o qual, onde...
  • advérbios de lugar: aqui, aí, lá...
Ex.: Marcela obteve uma ótima colocação no concurso. Tal resultado demonstra que ela se esforçou bastante para alcançar o objetivo que tanto almejava.

- Coesão por substituição: substituição de um nome (pessoa, objeto, lugar etc.), verbos, períodos ou trechos do texto por uma palavra ou expressão que tenha sentido próximo, evitando a repetição no corpo do texto.

Ex.: Porto Alegre pode ser substituída por “a capital gaúcha”;
Castro Alves pode ser substituído por “O Poeta dos Escravos”;
João Paulo II: Sua Santidade;
Vênus: A Deusa da Beleza.
Ex.: Castro Alves é autor de uma vastíssima obra literária. Não é por acaso que o "Poeta dos Escravos" é considerado o mais importante da geração a qual representou.
Assim, a coesão confere textualidade aos enunciados agrupados em conjuntos.

Fonte: BE


Luiz Henrique

Luiz Henrique, cristão, analista de sistemas, programador e webdesigner, cursado em Webdesign, vive através da fé e louvor a Deus. Graduando em Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas pela UFPR


4 comentários • Comente »:

Postar um comentário

O EstudaJovem é um blog cujo objetivo é te ajudar. Ajude-nos a melhorar, expondo sua opinião. Comente!

EstudaJovem nas Redes Sociais

Siga-nos no Facebook

Colabore com o portal

Seguidores Blogger

Seguidores Google+

Oportunidades